Inscrições vão de 19 de setembro a 19 de outubro; intuito do projeto é divulgar os benefícios da Tecnologia Nuclear

A Associação Brasileira de Energia Nuclear (ABEN) realizará a terceira edição da competição de Embaixadores Nucleares. O objetivo desse programa nacional é aumentar o alcance das informações sobre a Tecnologia Nuclear, assim como o número de pessoas que compreendam os benefícios do desenvolvimento do setor no país.

Os selecionados participarão de competição, em que apresentarão e implementarão ideias para divulgar os benefícios da Tecnologia Nuclear a diversos públicos. As inscrições para a edição deste ano irão de 19 de setembro a 19 de outubro. A divulgação dos vencedores será em setembro de 2023.

Os interessados devem enviar um resumo em PDF – de até uma página – com informações sobre a inscrição e a proposta do estudo a ser implementado. O documento deve seguir as especificações do edital, e ser enviado ao e-mail: embaixadoresnucleares@aben.com.br.

Os projetos deverão relacionar-se com o desenvolvimento sustentável, para demonstrar como a tecnologia nuclear pode auxiliar a alcançar objetivos de sustentabilidade.

O Programa é aberto a alunos de graduação e pós-graduação de qualquer universidade do Brasil. Serão aceitas inscrições de professores de ensino fundamental, médio e superior de instituições públicas e privadas do Brasil. A competição prevê a formação de grupos de no máximo três pessoas. As equipes serão divididas entre as categorias "Graduação” e "Pós-Graduação e Professores”.

Os vencedores serão convidados a fazer uma apresentação do trabalho desenvolvido na "International Nuclear Atlantic Conference – INAC 2023” perante o setor nuclear e serão nomeados Embaixadores Nucleares da ABEN. Também poderão fazer uma visita a uma Instalação Nuclear a ser determinada.

Mais informações no site da ABEN

Projeto embaixadores nucleares

O projeto Embaixadores Nucleares é uma iniciativa do Programa de Aceitação Pública (APUB) da ABEN. Foi lançado na "International Nuclear Atlantic Conference – INAC 2017” em Belo Horizonte, Minas Gerais. A primeira e a segunda edição da competição apresentaram resultados na INAC 2019 e na INAC 2021.

Coordenação: Olga Mafra (olga.mafra@gmail.com) -  ABEN

Leonardo de Moraes, estagiário 

(com supervisão)